VOCÊ ESTÁ LENDO

Puerto Natales: beleza selvagem da Patagônia

Puerto Natales: beleza selvagem da Patagônia

Uma cidade tranquila, rodeada de distintas belezas naturais e que vê sua população aumentar em até nove vezes na alta temporada. Assim é Puerto Natales, belíssimo município fundado em 1911 que compõe a região de Magalhães, na Patagônia Chilena. A cidade, que está a 250 quilômetros a noroeste do aeroporto de Punta Arenas, tem o encantador Seno de la Última Esperanza como um cartão de visitas, com direito à uma vista impressionante das muitas montanhas que cercam a região.
Foto01
Puerto Natales vive basicamente da mineração, da pesca, da ovinocultura e, claro, do turismo: 170 mil visitantes passam anualmente pela região

Foto02
Vista do colorido bairro Santiago Bueras, que dá acesso à região portuária da cidade

A cidade, que se orgulha de não ter nenhuma grande rede de fast food e de reunir variadas cervejarias artesanais, além de charmosas boutiques, também é porta de entrada para o Parque Nacional Torres del Paine, um dos destinos mais visitados do Chile. A diversidade de cenários por ali é impressionante: pampas, gelo, bosques e fiordes disputam a atenção dos olhares em busca de paz e sossego. Um atrativo bastante procurado pelos turistas é a relaxante cavalgada na Serra Dorotea. O percurso total é de 36 quilômetros, o que corresponde a cerca de três horas de passeio.
Foto03
Ao final da cavalgada, é servido um autêntico cordeiro no rolete, prato típico da região conhecido como asado a la hueca

Já a reserva natural Cueva del Milodón reúne três interessantes cavernas onde, desde o final do século 19, muitas pessoas afirmam ter visto peles e ossos de bichos-preguiça gigantes. Pesquisas científicas comprovaram que o animal de fato existiu há milhares de anos e que pesava cerca de três toneladas. O monumento natural também apresenta diversas formações rochosas esculpidas ao longo da história pelas forças da natureza.
Foto04
A Silla del Diablo é uma das principais atrações da preservadíssima Cueva del Milodón

O repórter Eduardo Oliveira viajou para o Chile pela Sky Airline a convite da rede Noi Hotels. Além de Santiago, o roteiro aéreo incluiu voo interno para a Patagônia Chilena, onde se hospedou nos hotéis Cabañas del Lago, Gran Colonos del Sur e Hotel Índigo.


Flávia Lelis, editora de conteúdo online e amante de viagens por natureza

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

comentários

INSTAGRAM
SiGA A GENTE
Translate »
>