VOCÊ ESTÁ LENDO

Para atrair turistas, Veneza adia taxa de entrada ...

Para atrair turistas, Veneza adia taxa de entrada para 2022

A Prefeitura de Veneza adiou por mais um ano a entrada em vigor da taxa de até oito euros, o equivalente a R$ 57 pela cotação atual, que será cobrada de turistas que não pernoitam no centro histórico da cidade.

Inicialmente, a cobrança estava prevista para entrar em vigor em 1º de julho de 2020, mas em março passado já havia sido adiada para 2021. Agora, com a persistência da pandemia do novo coronavírus, o governo municipal decidiu implantar a tarifa apenas em 1º de janeiro de 2022.

Capital do Vêneto, a cidade de Veneza tem uma economia fortemente baseada no turismo, um dos setores mais afetados pela pandemia de Covid-19.

Antes da crise sanitária, a Prefeitura havia adotado várias medidas para coibir o turismo predatório e tentar controlar os fluxos de viajantes. A chamada “taxa de desembarque”, que ficou para 2022, seria a principal delas.

A cobrança será voltada a pessoas que visitarem o centro histórico de Veneza e as ilhas da cidade, como Murano e Burano, mas sem pernoitar nessas regiões. Aqueles que dormem na área da Lagoa de Veneza já pagam a “tassa di soggiorno”, que varia de um a cinco euros por dia.

Por outro lado, adeptos do chamado “bate e volta” hoje não arcam com nenhuma tarifa para entrar no superlotado centro histórico da cidade. Ao todo, 22 categorias serão isentas, como moradores do Vêneto, pessoas em busca de tratamento médico, deficientes físicos, trabalhadores pendulares e estudantes.

*Essa matéria foi produzida pela Ansa.

Dessa forma

Já que

Com isso

Por exemplo

Já que

Com o intuito de

Para finalizar

Em primeiro lugar

Dessa forma

Com isso

Com o intuito de


Deixe um comentário

comentários

INSTAGRAM
SiGA A GENTE
Translate »