VOCÊ ESTÁ LENDO

Mineira leva astrologia brasileira para o mundo

Mineira leva astrologia brasileira para o mundo

Com ascensão nos anos 60 e 70, o horóscopo trouxe um novo olhar sobre o futuro e características pessoais. Isso, porque, com base na data de nascimento de cada um, era possível designar signos e, com isso, destrinchar diversos aspectos da vida pessoal de cada indivíduo.

De lá pra cá, muitas coisas mudaram, hoje sabe-se que Astrologia não se limita apenas ao ‘horóscopo’, mas na realidade, passou a ser utilizada como uma grande ferramenta de autoconhecimento para aqueles que a estudam. Amantes da arte afirmam que, através dos movimentos planetários associados e relacionados ao seu mapa natal, é possível entender seu propósito de vida, a forma como você se relaciona afetivamente, como lida com as questões financeiras e com sua família de origem por exemplo.

astrologia

Daniela Vianna

Foi pensando em desbravar e inovar o mercado da Astrologia enquanto oferecendo uma ferramenta de autoconhecimento de qualidade, que a mineira Daniela Vianna, empreendedora serial reconhecida internacionalmente, co-fundou a Ephemeris.Co. Unindo tecnologia e com a visão de escalar um negócio mundialmente, Daniela embarcou no projeto da Ephemeris.

A Startup tomou forma quando Daniela e seu sócio lançaram a tecnologia capaz de criar o mapa astral personalizado dos usuários que utilizam suas plataformas e o enviar impresso em jóias e decoração de parede. A Startup que, em menos de 3 meses recebeu um aporte de USD$100 mil dólares, está revolucionando a maneira como as pessoas pensam e consomem a Astrologia no Século XXI.

O empreendimento

Em menos de 6 meses, a Startup Ephemeris Co já conta com uma presença global e 100% digital. A empresa funciona com um time pequeno de 6 pessoas espalhadas pelo mundo que conseguem fazer a empresa rodar mesmo de dentro do conforto e segurança de suas respectivas casas.

Por sua visão empreendedora, Daniela viu a pandemia atual como uma oportunidade de crescimento e o acordo de investimento veio quando ela se viu presa nos Estados Unidos após fechamento das fronteiras, que a impediu de retornar para seu país de residência e a obrigou a achar formas de continuar trabalhando no projeto dos seus sonhos. Daniela se orgulha em afirmar que 20% do valor inicial do investimento já foi retornado ao investidor enquanto a empresa cresce com velocidade espantosa, faturando mais de USD$1 milhão/ano.

 


Deixe um comentário

comentários

INSTAGRAM
SiGA A GENTE
Translate »