VOCÊ ESTÁ LENDO

Jardim dos Sentimentos no Porto

Jardim dos Sentimentos no Porto

Quando fui ao Porto, em Portugal, tive a sorte de ser ciceroneada pela portuguesa falante e muito animada Emília. Ela me levou aos lugares mais bonitos e interessantes da cidade, porque, como ela mesma disse, ama o Porto e jamais pensou em sair dali. Eu sempre reclamando pelas extensas caminhadas, mas, ao fim, me sentia recompensada. Foi assim quando conheci o Jardim dos Sentimentos, depois de longas andadas pelas imediações no Palácio de Cristal. O lugar tem uma vista imperdível, do alto, para o rio Douro e, logo que cheguei, reparei nos casais pelos bancos namorando. Num plano abaixo desses bancos, ligado ao local mais alto por uma rampa, uma espécie de labirinto com as mais diferentes flores e uma placa com o sentimento a que elas remetiam. Açucena ligada à saudade, videira relacionada à alegria, entre outras. Também tinha plantas que remetiam à sentimentos negativos representados pelo joio (inveja), hortelã (crueldade). Ao fim, uma estátua de uma mulher ( que, não sei por que, imaginei que fosse uma santa) com expressões de grande sofrimentos, e pensei que  talvez fosse mesmo difícil reconhecer tantas emoções, boas e ruins, em si mesma. Ao lado dela, a planta feto, que, como estava escrito ali, representava a segurança. Eu estranhei o labirinto não ter centro, até descobrir que, para a simbologia, o labirinto representa (também) a jornada em direção ao útero. Então, onde estava a planta feto (no fim da jornada emocional) era o centro, lugar de (re)nascimento. Não vou me estender, porque gosto muito de símbolos e esse labirinto veio bem a calhar para mim. Se você não é ligado nessas coisas, garanto que o passeio vale apenas pela beleza do lugar e quem sabe, para pensar sobre seus próprios sentimentos. Não perca!

Serviço:

Local: Jardim dos Sentimentos, nos jardins do Palácio de Cristal

 


Artigos Relacionados

Deixe um comentário

comentários

INSTAGRAM
SiGA A GENTE
Translate »
>